Notícias
22 Janeiro de 2022 | 11h47

Secretário de Estado preocupado com devastação do ecossistema em Cabinda

O secretário de Estado para os Recursos Minerais, Jânio da Rosa Correia Victor, disse estar preocupado com as acções nocivas ao ecossistema na prospeção e exploração do ouro em minas na zona norte de Cabinda.

Jânio da Rosa Correia Victor, que trabalhou, durante dois dias, nos municípios do interior, para constatar a acção das empresas de exploração de ouro, referiu que há sinais negativos em algumas minas de exploração, com praticas nocivas que alteram e perigam o meio ambiente.

Falando à imprensa no termo da sua visita  a Cabinda, Jânio Correia Victor apontou, entre as mãs praticas a desmatação da floresta sem repovoamento e devastação de terras nas margens dos rios e riachos.

Para melhorar as boas praticas na exploração deste recurso mineral, foram baixadas orientações aos mineradores sobre princípios e métodos pedagógicos para, no futuro, melhorarem as acções de protecção do meio ambiente.

Em relação a visita, referiu enquadra-se numa orientação central para avaliar a operacionalidade dos projetos mineiros em curso na província.

Cabinda conta com 11 empresas ligadas a prospecção e exploração do ouro, sendo que apenas quatro estão licenciadas e as demais aguardam pela autorização para o inicio das pesquisas.

Fonte: ANGOP