Economia
16 Março de 2022 | 09h49

Kwanza é a moeda que mais se valoriza face ao dólar

A moeda nacional de Angola, o Kwanza, foi a que mais valorizou desde o princípio do ano face ao dólar, com 20 por cento de ganho, impulsionada pela subida dos preços do petróleo, aumento da estabilidade macroeconómica, política monetária e subida do “rating”.

De acordo com a agência de informação financeira Bloomberg, o kwanza, recuperou 20 por cento face ao dólar desde o início do ano, numa lista em que o rublo russo está na última posição, perdendo esta 37 por cento face ao valor actual do dólar.

O preço do petróleo, apesar do abrandamento dos últimos dias na subida dos preços, quase duplicou de valor em relação ao ano passado, chegando a 139 dólares já este mês, o que representa uma valorização de 28 por cento desde o início do ano, ainda que um barril de petróleo já esteja actualmente a ser transaccionado a cerca de 100 dólares.

As exportações de Angola representam mais de 90 por cento das receitas de exportações do país, e a economia angolana deverá crescer 2,9 por cento este ano, depois de cinco anos de recessão económica.

Nas últimas semanas, Angola viu a opinião de crédito ser melhorada pelas principais agências de notação financeira, no seguimento do final do programa de ajustamento financeiro de 4,5 mil milhões de dólares (quase 4,1 mil milhões de euros) com o Fundo Monetário Internacional, em Dezembro do ano passado.

 

Fonte: NM