Internacional
09 Janeiro de 2022 | 18h57

Biden diz que Covid-19 “não estará cá para sempre” na forma actual

O Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse, ontem, que a Covid-19, “tal como a conhecemos hoje, não estará cá para sempre”, uma declaração feita numa altura em que o país enfrenta uma nova vaga da pandemia.

No entanto, Biden, citado pela agência France-Press (AFP), reconheceu, ontem, aos  jornalistas, na Casa Branca, que "ter a Covid-19 no ambiente e no planeta, isso vai provavelmente persistir”.

"Temos muito mais ferramentas que podem conter a Covid-19 e outras estirpes”, assegurou o presidente norte-americano, que fez campanha, em parte, com a promessa de pôr fim à pandemia de Covid-19. Joe Biden, do partido Democrata, considera que "a nova normalidade não será a conhecida hoje, será melhor”.

A Administração Biden tem sido criticada devido à escassez de testes e, em geral, pela insuficiência na despistagem da doença no país, confrontado com uma quinta vaga alimentada pela variante Ómicron. Os Estados Unidos, o país mais afectado pela pandemia, registaram, na segunda-feira, um novo recorde de infectados com SARS-CoV-2, coronavírus que causa a Covid-19, com mais de um milhão de casos registados.


  EUA
Mãe tranca filho de 13 anos com Covid-19 na bagageira do carro

Uma professora norte-americana acabou detida, depois de trancar o filho de 13 anos infectado com Covid-19 na bagageira do carro, enquanto se dirigia a um centro de testagem. A mulher tinha como objectivo proteger-se da infecção.

Sarah Beam, de 41 anos, foi acusada de colocar uma criança em perigo, depois de o seu filho de 13 anos ter sido ouvido no compartimento por uma testemunha no centro de vacinação do condado de Harris, no Texas, que terá chamado as autoridades.

Segundo meios de comunicação local, Beam alegou que o filho estava infectado com SARS-CoV-2, dirigindo-se ao local para que a criança fosse testada novamente. Assim, para se proteger, colocou-a na bagageira.

De notar que lhe foi recusada testagem até que a criança, que não sofreu ferimentos, passasse para o interior do veículo.
Beam era professora no Cypress Falls High School desde 2011, estando, agora, em licença administrativa, de acordo com o mesmo jornal.

Fonte: JA