Economia
07 Janeiro de 2022 | 10h38

Sonangol deixa de gastar milhões de dólares com o terminal do Dande

A Sonangol deixará de gastar milhões de dólares com a construção em curso do terminal oceânico da Barra Dande, cuja conclusão da primeira fase pode ocorrer ainda este ano.

Segundo o director do Terminal Oceânico da Barra Dande, Mauro Graça, com a conclusão daquela infra-estrutura a petrolífera estatal deixará de gastar avultadas somas em dinheiro com armazenamento flutuante de derivados do petróleo.

"Com este empreendimento o país poderá contar com mais cerca de 580 mil metros cúbicos de capacidade armazenamento em terra distribuídos entre três produtos, nomeadamente gasolina, gasóleo e NPG com foco no reforço da capacidade energética nacional”, salientou hoje em declarações à Rádio Nacional de Angola.

Por outro lado, a petrolífera estatal está, também, a investir em importantes infra-estruturas que concorrem para a melhoria da distribuição e comercialização dos derivados do petróleo, conforme avançou o presidente da Comissão Executiva de Negócios, Distribuição e Comercialização da Sonangol.

Eusébio Vunge destacou que, entre estas infra-estruturas, está a construção do ramal ferroviário do Moxico que interligará a estação do Caminho de Ferro de Benguela (CFB) no Luena à unidade de estucagem de combustível e de gás.


Fonte: NM