COVID-19
06 Julho de 2021 | 12h59

Cerca de 2.500 pessoas foram vacinadas na Índia com... água salgada

As pessoas pagavam para serem vacinadas e eram inoculadas com água salgada. Polícia deteve médicos e outros profissionais de saúde.

Milhares de pessoas foram vítimas de um esquema fraudulento de venda de vacinas contra a Covid-19 na Índia, avança a CNN. Os organizadores deste amplo esquema, que teve pelo menos 12 centros de vacinação em Mumbai ou perto desta cidade, cobravam a vacinação às pessoas, que depois eram injetadas com água salgada.

O responsável da polícia de Mumbai, Vishal Thakur, sublinhou que cerca de 2.500 pessoas foram inoculadas com vacinas falsas. "Eles usavam água salgada e injetavam-na. Faziam isto em todos os centros de vacinação falsos que tinham”, frisou.

Os organizadores deste esquema arrecadaram 24 mil euros no total. Até ao momento foram detidas 14 pessoas, incluindo médicos e profissionais de saúde. "Eles estavam a usar um hospital que estava fornecer os certificados falsos, os frascos, as seringas”, acrescentou Thakur.

Os 14 detidos foram acusados de conspiração criminosa, tentativa de homicídio, entre outras acusações.

A Índia foi devastada por uma segunda vaga do coronavírus entre abril e o princípio de junho. Estes centros de vacinação falsos injetaram 2.500 pessoas com água salgada entre o final de maio e o início de junho.

Fonte: CNN