Saúde
14 Janeiro de 2022 | 11h38

Colesterol no limite. Dor severa nestas partes do corpo pode ser um sinal

Os depósitos de colesterol 'mau' LDL nas paredes das artérias podem estreitar as veias ou bloqueá-las totalmente.

Conforme explica um artigo publicado pelo jornal Times of India, o bloqueio das artérias faz com que estas endureçam e obstruam o fluxo sanguíneo, o que por sua vez aumenta o risco aparecimento de coágulos sanguíneos que impedem o fluxo sanguíneo para o coração ou cérebro, causando complicações graves.

Ora, como a acumulação de colesterol nos vasos sanguíneos pode levar ao seu entupimento, tal resulta em dor. Quando esta condição atinge as extremidades, é rotulada como Doença Arterial Periférica (DAP). A DAP provoca desconforto nas mãos e nos pés e pode afetar atividades como caminhar e correr. Se a DAP for grave, pode inclusive resultar na perda de membros. 

Leia Também: Níveis no limite? 5 superalimentos que diminuem ativamente o colesterol

O problema é caracterizado pela concentração de depósitos de gordura nas artérias que as entopem. Depósitos esses compostos por substâncias gordas, resíduos celulares, cálcio, fibrina e colesterol. Como tal, a acumulação de LDL no corpo resulta em dores nas mãos - sendo um sintoma que deve ser observado.

Mais ainda, é comum uma sensação de contração ou aperto da mandíbula que, em alguns casos, pode até causar uma dor aguda na mandíbula. Esta dor é associada principalmente com angina - uma moléstia que surge a partir do fluxo diminuto de sangue para a parte do coração que é mais frequentemente sentida no peito, mas que pode ser experienciada de muitas formas.

Fonte: NM